top of page
DSC03104-2.jpg

03 sinais que demonstram que NÃO é o seu trabalho o motivo do seu stress e da sua ansiedade

Atualizado: 28 de jun. de 2021

Era sábado, quase dez horas da noite, eu na cozinha preparando um lanche para os meus pais, e, o meu marido, me chama no quarto dizendo que não estava se sentindo bem. Logo eu pensei: “Claro, ele bebeu e agora tá passando mal”. Mas, para evitar uma confusão, eu falei: “O que você está sentindo?” Ele me respondeu: “O meu coração bate de forma diferente e estou sentindo um pouco de falta de ar”. Comecei a suspeitar de covid-19, mas a frequência da batida do coração não era um sintoma descrito pelos especialistas. Eu logo disse: “Ligue para o médico”. E assim ele fez.


Ao passar pela consulta on-line, a médica orientou que ele imediatamente fosse para o hospital. E, em menos de 1 hora estávamos eu e ele dentro da sala do pronto socorro. Diagnóstico: crise de ansiedade.


Que sorte a nossa poder contar com um plano de saúde privado, com uma rede robusta de profissionais competentes que puderam, rapidamente, apoiar na recuperação do meu marido. (Digo sorte porque no Brasil, mais de 65% da população, cerca de 133 milhões de pessoas, não tem este mesmo acesso em redes privadas de saúde).


Mas este acontecimento com o meu marido me fez refletir como podemos identificar os sinais que demonstram que NÃO é o trabalho que está afetando a nossa saúde mental, afinal, no caso dele não era mesmo. E sabe como eu sei? Te conto ao final deste artigo.


Então vamos aos 03 sinais que se identifica com algum deles, possivelmente o seu trabalho tá longe de ser a razão do stress e da sua crise de ansiedade:


1. Sou pressionado para entregar resultados, fico ansioso, tenho insônia e quando eu atinjo os resultados a sensação é Maravilhosa.

O stress no trabalho faz parte do dia-a-dia. A busca pelo resultado, a sensação que não vai conseguir, a pressão da liderança, as noites sem dormir pensando no problema, tudo isso são elementos que compõe a rotina de quem trabalha. As vezes as soluções demoram pra chegar, e nos sentimos esgotados. Mas não desistimos, porque sabemos que o resultado, quando ele chega, compensa todo o stress. Talvez seja a mesma sensação de ter finalizado uma maratona. Se você tem este sinal, possivelmente, o seu trabalho não é o motivo da sua crise de ansiedade.


2. Tenho um chefe ou colega de trabalho que me estressa, que me faz passar raiva, as vezes me decepciona e até muda meus batimentos cardíacos quando preciso interagir com esta pessoa. Mas quando estou trabalhando longe desta pessoa, sinto paz e felicidade.

Já ouviu a expressão “o santo não bate” ou “ não passa na mesma porta”?Infelizmente estamos propício a encontrar com pessoas que nos causa este sentimento. Mas são pessoas que só cruzam o nosso caminho, talvez para nos ajudar a desenvolver a resiliência ou até mesmo a paciência. Destas pessoas o melhor é manter a distância, e não precisa ser distância física, pode ser distância mental, é o que diz aquela outra expressão “o que vêm debaixo não me atinge”. Se sem está pessoa a sua vida profissional seria muito melhor, possivelmente, o seu trabalho não é o motivo da sua crise de ansiedade, afinal, o seu trabalho não se resume nesta pessoa.


3. Eu ficaria sim feliz ganhando mais dinheiro pelo meu trabalho, ficaria mais contente com melhores benefícios, mas com que eu ganho já me sinto grato com que eu tenho.

Se você tem a certeza que trabalha em um empresa idônea, que possui políticas de remuneração sólida, que valoriza a meritocracia e que promove o reconhecimento, com certeza, a vontade de ganhar um aumento salarial não é o motivo do seu stress e ansiedade. Um ambiente de trabalho justo, fortalece a sua segurança psicológica, e, consequentemente você passa ser mais planejado com os gastos a fim de adequar a sua atual renda e não se sentir desequilibrado financeiramente.


Bom, se os 3 sinais acima descrevem exatamente o seu sentimento com o seu trabalho, então o seu diagnóstico de ansiedade e stress podem estar atrelados a outros pilares da sua vida.


No caso do meu marido, a relação dele com o trabalho proporcionam exatamente os 03 sinais relatados acima, e além disso os olhos dele brilham ao falar do trabalho, ou seja, zero chance de ser o trabalho o motivo do stress e da ansiedade.


Mas ao passar pela consulta com especialista, o médico fez 5 perguntas para avaliação de sua saúde mental, nos quais 4 ele respondeu o meu nome. Será que você já descobriu o motivo da crise?😒


IMPORTANTE: ter apoio de um especialista de saúde para fazer um diagnóstico mais profundo, SEMPRE é a melhor opção. #façaterapia.


Gostou deste texto?

Então, me conta o que achou nos comentários e compartilhe para ajudar a espalhar essa ideia.
 


Kátia Regina

Executiva de RH | Apaixonada por gente, histórias e experiências | Escritora de artigos e rumo a publicação de livro(s)


Originalmente publicado em www.katiaregina.com

31 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page